Não alimente os pulgões do jardim

Cuidar da sua mente, de um blog, ou do espaço pessoal, é como cuidar de um jardim.

Requer esforço, tempo, paciência. Limpar, cultivar sementes, cuidar das plantas.

E as ervas daninhas e os pulgões?

Estes devem ser combatidos. Bloqueados. Retirados.

Não devem ser alimentados. Não devem ficar livres para atacar outras plantas.

Porém, vejo muitos fazerem exatamente o oposto: alimentam os pulgões, dão atenção, e estes vêm em dobro na próxima. São como vampiros, gostam de sugar a energia dos outros.

É muito difícil construir, e fácil destruir. É muito difícil ter paz, e fácil bagunçar tudo. Os pulgões vivem da destruição do que foi construído, de tirar sarro e desvalorizar os outros.

Não alimente os pulgões da sua vida.

E, no final do dia, aproveite o seu belo jardim com flores e frutos.

Veja também:

Originally published at https://ideiasesquecidas.com on April 20, 2021.

Project Manager on Analytics and Innovation. “Samurai of Analytics”. Passionate about Combinatorial Optimization, Philosophy and Quantum Computing.

Project Manager on Analytics and Innovation. “Samurai of Analytics”. Passionate about Combinatorial Optimization, Philosophy and Quantum Computing.